segunda-feira, 6 de junho de 2011

O Amor está no ar... E quem sabe ao seu lado!


Dia dos Namorados chegando! Eu sei que eu deveria falar sobre coisas românticas, corações e ursinhos de pelúcia perfumados. Dicas de presentes, sugestões para uma noite super romântica e blábláblá... Pois bem! O fato é que estou, digamos que, desprovida de romantismo nos últimos tempos, então resolvi contar uma história pra vocês. Uma história real, que eu acompanhei de perto, de uma amiga muito querida. Eu não fiz parte da história, eu apenas a “transcrevi” para a leitura de vocês!

“Imagina você, um dia de trabalho normal. Eu saí um pouco atrasada nesse dia e por coincidência (ou destino, não sei) acabei perdendo o ônibus de costume e pegando o próximo. Até aí tudo normal... Algumas paradas a frente, já com o ônibus lotado, um moço (bem bonito por sinal) parou bem ao meu lado, a principio uma pessoa normal com fones no ouvido, mas que me chamava atenção... Além de ser muito bonito, ele mexia insistentemente no celular. Ok! Ele pode estar jogando, lendo e-mails ou quem sabe twittando... (vai saber né?! Hoje em dia as pessoas quase nem se falam mais pessoalmente, a tecnologia é tanta que tem gente que vive na mesma casa e se fala pelo MSN... ) Pois bem, nossos olhares se cruzaram algumas vezes, mas eu, sentindo um pouco de timidez, continuei ouvindo as minhas músicas e lendo como de costume. Ele desceu algumas paradas antes da minha e eu desci na minha casa.As nossas vidas seguiriam normalmente...

Será mesmo? Doce engano! Quando eu cheguei a minha casa e liguei o meu computador, uma amiga estava enlouquecida atrás de mim.. “Você precisa ver uma coisa, e logo!”... E aí eu pensei “Meu Deus, o que será de tão importante?!”. Quando abri o link que ela me enviou, foi inacreditável! Era a rede social do moço, aquele do ônibus, do celular.. Tinha uma foto minha, aliás, não só uma, tinham três fotos minhas com a legenda “Te encontrei, finalmente!” Há! Então era por isso que ele tanto mexia no celular... Sim! Celulares tem câmera digitais – pensei. Confesso que nessa hora o chão sumiu debaixo dos meus pés, minha boca ficou seca... Eu pensei “como eu não vi isso?” Senti um pouco de medo também, vai saber se não se tratava de um psicopata maluco desses que agente ouve histórias por aí.

Bom, a minha sorte é que ele não era nenhum maluco, ele realmente havia me encontrado só que de uma forma, digamos que, inesperada. Depois desse dia começamos a nos falar... Até que um dia ele foi me buscar no trabalho, saímos pra jantar e finalmente ficamos juntos! Algumas semanas depois ele me pediu em namoro. Confesso que no inicio não foi uma paixão avassaladora como as que vemos nas novelas. Mas isso foi só no inicio, com alguns meses de namoro fizemos uma viagem juntos, só nós dois. E foi nessa viagem que eu percebi o quanto estava apaixonada! Sabe aquela história que as pessoas dizem de ouvirem sininhos? Eu finalmente tinha encontrado a pessoa que me fez ouvir os tais sininhos... rsrs

Foram dois anos de namoro e muitos momentos bons. Acabou porque o destino quis assim. Assim como no inicio da história, ele quis que eu me atrasasse e pegasse o mesmo ônibus daquele que “me encontrou” e me fez ouvir sinhinhos durante dois anos.

Feliz Dia dos Namorados!

4 comentários:

  1. Gostei muito de teu conto Cris! que romántico! bom trabalho, que sinto inveja de tua amiga rsrsrs :) Oxala eu encontra o amor da maneira assim inesperada...

    ResponderExcluir
  2. Uau, que história inesperada, heim?
    Dessas que ninguém imagina que possam acontecer, haha.
    Acho que a melhor forma de encontrar o amor é essa, meio que por acaso, espontaneamente. Avassalador!

    Seguindo você =)
    Beijinhos,
    Ana - Na Parede do Quarto
    http://naparededoquarto.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Adorei Cris!!!

    Muito foufa essa 'tua versão' da história!!! ^^

    ResponderExcluir
  4. Gostaria muito de encontra um amor, todos nos precisamos de um ne!?


    Seguindo^^
    Sigam também http://aninhainpower.blogspot.com/

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...