domingo, 18 de maio de 2014

Galeria Colaborativa: Turistando em Porto Alegre

Oi pessoal, tudo bem com vocês?

Hoje eu vim contar sobre um projeto que eu criei no Instagram, o Turistando em Porto Alegre. Não é segredo pra ninguém o quanto eu amo fotografia e o quanto eu gosto da nossa capital. Acho que quem vive em Porto Alegre consegue respirar cultura. Pensando nisso, criei uma galeria colaborativa no Instagram com o objetivo de unir os apaixonados como eu. A dinâmica é simples: Basta usar #turistandoempoa e pronto. As fotos mais bacanas ganham destaque na galeria. O projeto tem apenas uma semaninha de vida, mas já está repleto de colaboradores cheios de sensibilidade e talento. Quem quiser acompanhar basta seguir @turistandoempoa no Insta. Eu sei que existem outros projetos semelhantes, mas acho que nunca é demais admirar o talento e sensibilidade tanto dos fotógrafos profissionais, quanto dos amadores (que diga-se de passagem, são a maioria!)

Vou dividir um pouquinho do projeto aqui com vocês. Toda a semana as 4 fotos mais curtidas vem aqui pro blog também, combinado?





























CRÉDITOS:
Viaduto da Borges por Juninho (@juninhopoars)
Moinhos de Vento por Natalia Sales (@50mmcoloridos)
Zona Sul por Márcia Batista (@marciabati)
Fundação Iberê Camargo por Meia Dalcin (@meiadalcin)

quarta-feira, 7 de maio de 2014

Du E-Holic: O chapeleiro feliz e sem CEP!




Se tem uma coisa que eu gosto de escrever aqui no blog é sobre histórias inspiradoras. Há algum tempo eu conheci a história do Durval Sampaio, mais conhecido como Du E-Holic:

"Em um belo dia vendi absolutamente tudo o que eu tinha a preço de banana e virei a página para seguir meu verdadeiro sonho de costurar chapéus" - conta Du em entrevista a jornal do Amazonas.
O chapeleiro tinha uma vida estável, era empresário no ramo de sucata industrial, até que certo dia precisou de um chapéu para ir a uma festa, mas não encontrou nenhum do tamanho de sua cabeça. Du resolveu costurar seu próprio chapéu, este que fez muito sucesso entre a família e amigos. Ele passou a vender pela internet e na boutique ateliê que montou na Vila Madalena, em São Paulo.

Em 2013, Du embarcou em um furgão 1952 para uma volta pelo Brasil. "Mais que isso, uma travessia interna" - conta. Ele já passou por diversos lugares do Brasil e na semana passada esteve costurando na Galeria LaLa em Salvador. O "chapeleiro maluco", que tem a música e as pessoas como principal inspiração, segue sua viagem sem CEP, sempre fazendo novos amigos, conhecendo várias histórias e lugares e levando aos quatro cantos do país seu lema de vida "Confie em mim, trabalhe no que você ama"

Aqui você acompanha a volta de Du pelo Brasil.

Confesso que eu tô querendo muito um chapéu dele, que combina com esse friozinho que faz por aqui.

Olha só que bacana:



Mais do Chapeleiro sem CEP:



Com seu parceiro de viagem






Companheira inseparável

Fotos: Facebook Du E-Holic =)
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...