segunda-feira, 5 de setembro de 2011

Diário de Viagem: Curitiba - Parte I


Um dia você acorda e pensa “Preciso viajar” aí você pega uma mala coloca algumas coisas e vai. Simples assim.. Sim! As coisas são, de fato, simples. Nós é que a complicamos, na maioria das vezes.

Saí de Porto Alegre com muita chuva, mas na esperança de que o sol aparecesse. E não é que ele apareceu!? Bom, cheguei a Curitiba na terça-feira as 15:00, fui até a estação Ferroviária e comprei uma passagem de trem para a cidade de Morretes, comprei com antecedência pois já havia sido informada de que as vezes não tem bilhete disponível na hora do embarque. Pois bem... passagem de trem comprada, aproveitei o resto da tarde para passear no shopping que ficava ao lado do Hostel que eu fiquei hospedada.

No dia seguinte fui conhecer a cidade de Curitiba, fiquei total e completamente apaixonada. A cidade é totalmente limpa e organizada. Os curitibanos talvez não sejam os mais simpáticos, mas com certeza são os mais educados. Ficam quietinhos na deles, mas se você precisa de qualquer informação, ou fala sobre qualquer assunto, eles prontamente respondem com toda a educação. Curitiba também chama atenção por ser uma cidade totalmente projetada, o transporte publico também funciona muito bem. Aliás, se vocês quiserem conhecer a cidade, o melhor mesmo é utilizar esse tipo de transporte. Peguei o “tourism line” ou Linha Turismo, que é a melhor forma de se conhecer a cidade e os pontos turísticos. Você paga R$25,00 e tem direito a quatro reembarques, assim você mesmo monta seu roteiro e conhece os lugares que acha melhor. O ônibus percorre 25 pontos turísticos em 2 horas e 30 min. Eu, particularmente optei pelo Jardim Botânico, Parque Tanguá, Museu Oscar Niemeyer e Ópera de Arame. Neste mesmo dia conheci a Rua das Flores, Centro Histórico, Bosque Alemão, Oratório Ucraniano, Universidade do Paraná, Teatro Guaíra e o Parque Barigui.

Continua....


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...